Guaidó Chama Lula De "Ladrão" e Diz: "Está Livre, Mas Não é Inocente". - Se Liga na Informação





Guaidó Chama Lula De "Ladrão" e Diz: "Está Livre, Mas Não é Inocente".

Compartilhar isso


Presidente autoproclamado da Venezuela, Juan Guaidó reagiu a críticas do ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e disse que o petista "está livre, mas não é inocente". Guaidó fez as declarações ontem nas redes sociais baseadas em um discurso de Lula durante o 7º Congresso do PT, realizado neste final de semana em São Paulo. A assessoria de Lula qualificou como "fictícias" as teses de Guaidó. 


No evento do partido, o ex-presidente disse que "a vergonha que tenho é que o mundo inteiro reconheceu o golpista, o mundo inteiro democrático", referindo-se a Guaidó.

A Venezuela passa por uma crise política que teve um de seus principais capítulos em janeiro passado, quando Guaidó se autoproclamou presidente do país. O ditador Nicolás Maduro, porém, não deixou o comando da Venezuela e ainda tem o apoio de lideranças militares e de parte da população. O movimento do líder da oposição aconteceu na esteira das acusações de fraude na eleição presidencial de 2018, em que Maduro foi reeleito. O governo brasileiro, liderado por Jair Bolsonaro (sem partido), reconhece Guaidó como presidente da Venezuela.


Lula disse que, "mais recentemente, era quase que ser demônio qualquer tentativa de defender os companheiros da Venezuela", disse, sem citar Maduro. "Inventaram um candidato a presidente que não tinha disputado a presidência, um tal de Guaidó."

Nas redes sociais, Guaidó disse que, "pela Constituição [da Venezuela] e para o mundo, sou o presidente encarregado". "Diferente de você, que é um ladrão condenado. Maduro e você foram partícipes do saque a nosso povos por meio da Petrobras, da [empreiteira] Odebrecht e da PDVSA [petroleira estatal venezuelana].


" O autoproclamado presidente venezuelano ainda comentou que as instituições brasileiras ainda são fortes e que Lula "esteve preso como o ladrão que é". "Hoje, está livre, mas não é inocente. Você possivelmente voltará à prisão, enquanto na Venezuela, muito em breve, haverá justiça e liberdade."
Ofertas de 20 OFF em Tênis Running Active e Vestuário de fitness

Em nota ao UOL, a assessoria do ex-presidente disse que as declarações de Guaidó são "fictícias" e "não merecem ser comentadas" por serem "de um sujeito que se autodeclara presidente". 

"A condenação de Lula, a 'presidência' de Guaidó e seus tuítes são obras de ficção. Tanto que [o ex-juiz Sergio] Moro condenou Lula por "atos indeterminados", plagiando Kafka (não Kafta), e, mesmo depois de uma devassa e mais de 100 acordos de delação, foi incapaz de identificar qualquer desvio de conduta do ex-presidente relacionado a Petrobras, Odebrecht ou PDVSA", diz o comunicado.


FONTE: UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário