Bolsonaro assina termo para construir autódromo no Rio e sediar GP de Fórmula 1 - Se Liga na Informação



Bolsonaro assina termo para construir autódromo no Rio e sediar GP de Fórmula 1

Compartilhar isso

O presidente do Brasil Jair Bolsonaro (PSL) assinou um termo de cooperação com o governador Wilson Witzel e o prefeito Marcelo Crivella nesta quarta-feira (8) para a construção de um autódromo no Rio de Janeiro. A ideia é que a Fórmula 1 volte à Cidade Maravilhosa com a realização de um grande prêmio em 2020. A obra seria feita "sem dinheiro público".

O novo autódromo será erguido no bairro de Deodoro, na Zona Norte da cidade, num terreno cedido pelo Exército. Além da Fórmula 1, o espaço também abrigaria uma prova do Mundial de Motovelocidade.

A promessa da construção de uma nova pista de corrida, em Deodoro, veio após a demolição do Autódromo de Jacarepaguá, que deu lugar ao Parque Olímpico dos Jogos Rio-2016.

Desde novembro do ano passado, executivos da Liberty Media, responsáveis pela promoção da Fórmula 1, vem negociando com as autoridades do Rio de Janeiro para transferir de São Paulo a prova do Brasil na temporada de 2020. Em junho o projeto de construção do novo autódromo foi apresentado e desde então os trâmites legais vem sendo tomados. Porém, algumas questões travaram a publicação da licitação, principalmente na questão ambiental.

A última vez que uma etapa do Mundial de Fórmula 1 foi realizada no Rio de Janeiro foi 1989. No total, dez provas foram disputadas no antigo autódromo. Desde 1990, o GP do Brasil passou a ser feito em Interlagos, São Paulo.

Fonte: Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário