“Jesus derramou sangue para governar, não reclame da facada”, afirma pastor - Se Liga na Informação



“Jesus derramou sangue para governar, não reclame da facada”, afirma pastor

Compartilhar isso

Luiz Hermínio faz analogia ao atentado contra Bolsonaro e manda recado ao Brasil: "Não pense que Deus perdeu o controle da nação"


Durante uma pregação na Igreja Batista Getsêmani, em Belo Horizonte (MG) no sábado (7), o apóstolo Luiz Hermínio, do ministério Mevam, pregava o sermão “Livrando-se do trono da Carência”. Fiel ao seu estilo, ele trouxe, no meio da mensagem, uma palavra profética.
“Deus está fazendo um renovo na nossa nação. Nós vamos viver nos próximos meses coisas inacreditáveis. Deus vai fazer coisas sobrenaturais na nossa nação e levantar pessoas improváveis”, sentenciou.
Pedindo que as pessoas “julguem” sua profecia, insistiu que o Senhor irá “levantar as que não são” [1 Coríntios 1:27]. Numa comparação improvável, já que falava no mesmo dia em que o candidato a presidente Jair Bolsonaro sofreu um atentado, disparou: “Jesus para governar teve de derramar sangue, então não reclame da facada. Não há governo sem sangue”.
Conforme lembra o pastor, “o modelo de Deus é primeiro sacrifica, depois governa”. “Não pense que Deus perdeu o controle da nação. Ele está fazendo tudo como ele determinou”, finalizou.
Assista!

Um comentário: