MUNDO CRISTÃO: “Igrejas brasileiras precisam de mais razão e menos emoção”, diz William Lane Craig - Se Liga na Informação



MUNDO CRISTÃO: “Igrejas brasileiras precisam de mais razão e menos emoção”, diz William Lane Craig

Compartilhar isso
Ele acredita que com a apologética é possível corrigir os erros teológicos ensinados no país.



O filoso e teólogo cristão William Lane Craig advertiu a igreja brasileira durante uma entrevista ao Gazeta do Povo, onde ele foi questionado sobre o crescimento das igrejas evangélicas no país.
Craig foi abordado sobre os aspectos teológicos de muitas denominações que enfatizam a pregação da prosperidade com apelo emocional e materialista, o que na visão dele é uma ameaça ao cristianismo tradicional.
“Considero o chamado ‘evangelho da saúde e da riqueza’ uma séria ameaça ao cristianismo no Brasil, já que ele é uma distorção terrível do cristianismo bíblico. Portanto, estou determinado a fazer tudo o que posso para trazer recursos educacionais para os cristãos no Brasil poderem oferecer treinamento em doutrina cristã e apologética”, disse ele.
Ele declarou que ouviu dizer que a igreja evangélica no Brasil é muito movida pela emoção, por isso ele vê a necessidade de contribuir para um equilíbrio onde a fé seja mais racional.
Na entrevista Craig fala de outros pontos importantes como sua certeza a respeito da existência de Deus. Ele cita a moral como a maior prova de que Deus realmente existe.

“Se Deus não existe, valores e deveres morais objetivos não existem. Valores e deveres morais objetivos existem. Logo, Deus existe”, listou.
“Você pode ignorar, se quiser, os argumentos filosóficos e científicos em favor da origem do Universo. Mas todos os dias, ao acordar, você reage pela forma como trata outras pessoas, analisa se elas têm valor moral objetivo ou se são meramente meios para serem usados para os seus fins pessoais. A maior parte das pessoas acredita nas duas premissas do argumento moral. Elas apenas não juntaram os pontos”, disse.
Fonte: Gospel Prime

Nenhum comentário:

Postar um comentário